capa do post

O que saber antes de ir ao Deserto do Atacama

Viagem | 467 | 03/08/2020

Fala, galera!

Quantas vezes você parou pra pesquisar sobre a sua viagem e teve dificuldade de encontrar as informações mais importantes?

Nós sentimos isso na pele, e não foram poucas as vezes! Em algumas situações, as informações que precisávamos estavam em vários sites, e nem sempre essas informações conversavam, dando mais trabalho ainda para as pesquisas da viagem.

Aliás, esse é um dos motivos pelo qual esse blog existe: fazer um conteúdo mais simples e mais fácil de ser encontrado, para que no fim, suas pesquisas de viagem sejam facilitadas!

Pensando nisso, organizamos este post para falar sobre aqueles itens básicos para organizar uma viagem ao Deserto do Atacama, no Chile.

Se você quer saber quando, como e porque deveria conhecer esse lugar tão peculiar e incrível, continue lendo!

O que saber antes de ir ao Deserto do Atacama - 2

Quanto tempo ficar no Atacama?

Em uma viagem ao Atacama, ter pouco tempo disponível não é uma boa pedida: tem MUITA coisa pra fazer no lugar e você pode acabar se arrependendo de deixar algo de fora!

Nossa recomendação é que você tenha tempo pra desfrutar melhor, mesmo que seu destino final não seja San Pedro (por exemplo, se você vai fazer a travessia para o Uyuni partindo do Chile).

Inclusive, essa recomendação vem de experiência própria, pois algumas lugares dessa lista nós não conhecemos (ou visitamos correndo) por falta de tempo + dinheiro + cansaço.

Nós não conseguimos conhecer tão bem tudo que a gente gostaria justamente por falta de tempo. O cansaço também falou alto, já que vínhamos de uma viagem pelo Peru e Bolívia (com muita trilha, altitude e travessia pelo deserto). E dinheiro porque, sim, amigos, o Atacama não é lá exatamente barato! Não se assuste, mas também não pense que é viagem low cost, hein?

O ideal é que você tenha 5 dias para fazer tudo com calma e conhecer o máximo possível. Se não puder, nossa dica é que você fique ao menos 3 dias em San Pedro do Atacama.

Então, tente não ficar na correria para fazer os passeios, programe seus gastos, para não faltar grana ou gastar horrores e, de preferência, não vá ao Atacama na mesma viagem em que você já foi pra zilhões de lugares antes, senão, o cansaço vai te pegar.

Como chegar em San Pedro do Atacama

Primeira coisa a saber é que não há voo direto para a cidade de San Pedro do Atacama.

Para quem vai do Brasil, talvez a melhor maneira seja ir para Santiago e, de lá, para Calama, a cidade com o aeroporto mais próximo de San Pedro.

Um transfer entre as cidades dura aproximadamente 1:30h. No nosso caso, contratamos o serviço através do hostel em que nos hospedamos em San Pedro, mas existem inúmeros outros para serem contratados no aeroporto de Calama ou nas ruas da cidade de San Pedro.

Você pode encontrar voos para Calama com cias aéreas maiores, como a Latam, e com as low costs, como a Sky ou Jetsmart. Nós voamos com a Jetsmart!


Quando ir ao Atacama?

Apesar de ser possível visitar o deserto o ano todo, em algumas épocas é possível que chova na cidade de San Pedro - isso mesmo! Chuva no deserto!

É bem difícil de ocorrer, mas, no inverno altiplânico, entre dezembro e fevereiro, é quando este evento quase “raro” pode acontecer! Nos demais meses, o que acaba mudando mesmo são as amplitudes térmicas (as diferenças entre as temperaturas mais altas e mais baixas em um mesmo dia).

Entre março e maio, e entre setembro e novembro, por exemplo, as temperaturas são mais amenas, oscilando um pouco menos entre o calor e frio extremos.

O que saber antes de ir ao Deserto do Atacama - 9
O que saber antes de ir ao Deserto do Atacama - 10

O que fazer no Atacama

Para nós, os principais pontos para serem conhecidos no Atacama são:

• Valle de la Luna (vá em um tour ou pedalando);
• Valle de la Muerte;
• Pukará de Quitor e Garganta del Diablo (pedalando);
• Laguna Cejar e Lagunas Altiplânicas;
• Salar do Atacama e Salar de Tara;
• Termas de Puritama;
• Geysers del Tatio (se prepara para passar frio!);
• Piedras Rojas e Tour Astronômico.

Isso sem falar nos vulcões Licancabur, Lascar e Cerro Toco.

A cidade de San Pedro é cheia de agências de viagem e empresas que fazem vários tipos de passeios na região, inclusive para quem quer atravessar o deserto até o Salar do Uyuni, na Bolívia.

Não temos uma agência em especial pra recomendar, mas podemos dar algumas dicas de conhecidos ou parceiros de outros blogs que recomendam algum serviço! Se quiser saber mais, é só mandar um e-mail para o pelomundoadois@outlook.com.

Fatos e Curiosidades

Adoramos contar fatos e curiosidades dos lugares, pois além de nos interessarmos por isso, acreditamos que também desperta a vontade de conhecer mais do destino em quem lê!

Então, olha só:

• O Atacama é o deserto mais seco do mundo! Em algumas regiões não chove há séculos! Mas, não se engane: em determinadas épocas, tem chuva, sim, na cidade de San Pedro!

• Os estabelecimentos da cidade de San Pedro não permitem beber sem você comer nada! Isso por conta de leis e do tipo de licença de funcionamento do lugar. Fomos, mais de uma vez, solicitados a pedir uma porção de qualquer coisa, para que pudéssemos continuar tomando uns drinks ou uma cerveja no local em que estávamos! Ou seja: se for beber, vai precisar comer algo também!

• Pukará de Quitor, sitio arqueológico que fica pertinho de San Pedro (aproximadamente 3km, segundo inúmeros posts e o Google Maps! 🤣) é um passeio que, normalmente, nem é oferecido pelas agências da cidade. 
Costuma ser feito de bike e é super baratinho. Você tem a oportunidade de conhecer muita coisa interessante da região, sem falar nas paisagens legais e locais inusitados no caminho! O passeio pode ser feito sozinho ou até em grupos! Pergunte para as agências e alugue a sua bike!

O que saber antes de ir ao Deserto do Atacama - 15

Texto: Vinícius Marchetti | Fotos: Pelo Mundo a Dois

O que saber antes de ir ao Deserto do Atacama - 17

Comentários

Escreva um comentário antes de enviar

Houve um erro ao enviar comentário, tente novamente

Por favor, digite seu nome
Por favor, digite seu e-mail