capa do post

La Fortuna e o Vulcão Arenal: dicas da Costa Rica

Viagem | 1 | 05/05/2021

Fala, galera!

Neste post vou falar sobre La Fortuna e o Vulcão Arenal, região que fica na província de Alajuela e que é uma das paradas mais conhecidas pra quem vai para a Costa Rica!

Muito de sua fama se dá porque o Vulcão Arenal fica na região, a alguns minutos de distância do centro da pequena cidade, e também porque existe uma infinidade de passeios e atrações nos arredores, tudo muito a cara da Costa Rica: trilhas, observação de animais, águas termais e visitar o parque do vulcão.

Dentre as várias opções do que fazer por lá, com certeza visitar o Arenal e conhecer algum dos vários spas de águas termais são os principais atrativos! E é uma experiência incrível!

Na nossa viagem, nós conhecemos o vulcão Arenal, visitamos as águas termais e um parque com pontes suspensas sobre as árvores, além de curtir a vibe da cidade de La Fortuna.

La Fortuna e o Vulcão Arenal: dicas da Costa Rica - 2

Foto no chafariz do centrinho de La Fortuna, com o Vulcão Arenal ao fundo

Como é a cidade de La Fortuna

Uma cidade pequena e que fica a aproximadamente duas horas da capital San Jose, ainda na província de Alajuela, La Fortuna costuma ser a cidade base pra quem visita o Vulcão Arenal e faz parte de um cartão postal famoso do país.

É só procurar na internet pra encontrar centenas de fotos da igrejinha na praça central da cidade com o Arenal ao fundo!

Aliás, ficar na cidade e ter a vista do vulcão todos os dias é algo inexplicável, ainda mais por ser um vulcão ativo e que teve sua última erupção em 2010!!!

A cidade em si é cheia de bares, restaurantes, mercados e lojinhas, com ruas movimentadas (em boa parte, pelos americanos, franceses e alemães, que andam aos montes por lá), e conta várias opções de passeios nos entornos, como trilhas, visitas a parques, cavalgadas, observação de pássaros, bicho-preguiça, spas de águas termais e muito mais!

Na própria cidade é fácil encontrar as agências de turismo vendendo passeios de todos os tipos!

Ficamos no Hotel Tangara Arenal por três noites, um hotel mais rústico e que tinha um café da manhã delicioso e que, apesar de não ser bem na muvuca do centro, fica a uns 3 minutos de carro da cidade.

Nossa boa experiência com os costa-riquenhos começou aqui, já que fomos muito bem atendidos todos os dias, mesmo quando ‘importunávamos’ o gerente do local, pedindo para que ele nos deixasse guardar as cervejas que comprávamos nos mercados da cidade na geladeira da recepção, já que não havia frigobar no nosso quarto.

A Shirley e o Heriberto, os responsáveis pelo hotel enquanto estávamos lá, são pessoas sensacionais, super atenciosos! Por isso não só voltaríamos para lá, como ficamos muito felizes em indicar hotel!

Tudo no hotel estava muito limpo e organizado, o atendimento foi demais e a comida estava ótima! Por isso, recomendamos!

Mas e aí, o que mais vale a pena mencionar sobre a região?

Parque Nacional do Vulcão Arenal

O parque abre às 08:00 e fica a uns 20 minutos de carro da cidade. Pagamos US$ 15 por pessoa para entrar.

Ali você pode fazer a trilha que passa pela mata até onde é possível enxergar o Arenal mais de pertinho, porém, não tão como muitos gostariam. Por se tratar de um vulcão ativo, há um limite para a trilha, onde é possível fazer fotos e ver as formações vulcânicas do solo da última erupção.

A trilha em si não exige muito, pois boa parte dela é plana e não tem muitos trechos de terra (ou barro, caso chova). Para as partes com subida, não é necessário experiência em trilhas, dá pra poder fazer todo o caminho numa boa (tinha muito turista bem mais velho, grupos de senhoras japonesas e famílias fazendo a trilha).

Mas a recomendação é: leve um calçado apropriado, se não quiser detonar seu tênis bom!

O caminho leva em torno de 2 horas, e você tem a opção de subir a trilha por um caminho e voltar por outro.

Uma das opções é um caminho mais longo, mas tem umas coisas legais para se ver floresta, como algumas árvores gigantes - havia um guia com um grupo de turistas que apresentou essa árvore como a “árvore da vida”, igual à do filme Avatar - e alguns animais que vivem por lá. Bem legal!

Além dessa trilha até o pé do vulcão, você pode fazer outro caminho até o lago, passar por alguns mirantes e caminhar por onde tem restos de lava da erupção do Arenal!

La Fortuna e o Vulcão Arenal: dicas da Costa Rica - 6

Mensalmente eu envio uma Newsletter com os melhores textos e posts que encontrei, dicas práticas e sugestões de livros ou aplicativos, e eu gostaria de dividir com você!

Se tiver interesse, é só se inscrever com seu e-mail!

La Fortuna e o Vulcão Arenal: dicas da Costa Rica - 9
La Fortuna e o Vulcão Arenal: dicas da Costa Rica - 10

Foto em um dos mirantes do Parque do Vulcão Arenal

Hot Springs – Águas Termais

Na região de La Fortuna existem vários spas de águas termais seguindo pela estrada, logo na saída da cidade. E

Alguns são apenas spas, mas outros são hotéis ou resorts, que oferecem muitos serviços e que possuem os spas dentro de suas instalações. E você pode optar por conhecer um destes spas, mesmo que não esteja hospedado no hotel!

Quando pesquisamos, vimos algumas opções e dois deles nos chamaram mais a atenção: Tabacón Thermal Resort & Spa e Eco Termales Fortuna. No entanto, ao chegarmos em La Fortuna, vimos que existem muito mais opções!

Então, caso essas não sejam do interesse, você pode deixar pra fechar o passeio chegando na cidade!


Tabacón Thermal Resort & Spa

Como o próprio nome entrega, o Tabacón é um hotel, além do spa de águas termais. É muito lindo, possui toda uma infraestrutura e tem muitas quedas d’água, o que o faz ser ótimo para fotos!

Ele é uma boa pedida para quem quer um ótimo hotel em La Fortuna e quer curtir as águas termais. Para quem é hóspede, o acesso às águas termais já está incluso.

Agora, para quem quer apenas passar o dia nas águas quentinhas (como foi o nosso caso), você pode optar por um day pass, que te dá o direito de passar o dia nas instalações do hotel, curtindo as várias quedas d’água do local.

Existem algumas opções para o day pass, que de forma resumida são:

· Entrar pela manhã e fica até o meio da tarde;
· Entrar no meio da tarde e fica até a noite ou;
· Ficar o dia todo.

Essas opções incluem também uma refeição; por exemplo, pra quem entra pela manhã tem a opção de almoço e, para quem entra na parte da tarde, opção de jantar. Se você ficar o dia todo, pode escolher ter as duas refeições.

Os locais possuem vestiários e lockers para você guardar suas coisas e são muito bons!

Os valores variam de acordo com o tempo de estadia e quantidade de refeições inclusas. As bebidas por lá são à parte, mas os preços praticados são muito próximos dos da cidade.

Os valores mais em conta são US$ 70 por pessoa (para quem entrar as 10 da manhã e sair as 14h, com direito ao almoço), podendo chegar até US$ 160 por pessoa (você pode checar mais aqui).

O Tabacón tem valores mais altos e pode encher bastante pois, além de ser uma das mais famosas hot springs, não tem limite de quantidade de pessoas para visitar o lugar.

Pudemos comprovar isso quando chegamos lá: carros se amontoavam na frente do hotel, e havia muita, mas MUITA gente, o que nos fez ter certeza que tínhamos acertado na nossa escolha pela EcoTermales.

Mas não dá pra deixar de mencionar que realmente, o local é lindo demais! Se tivéssemos tempo, iríamos dar um pulo lá pra fazer umas fotos!

EcoTermales Fortuna

Essa foi nossa escolha por três principais motivos: era tudo lindo nas fotos, assim como o Tabacón, estava mais em conta e não costuma encher, já que costumava ter uma quantidade de pessoas limitadas para visitas.

Isso foi ótimo porque aproveitamos muito o lugar, estava muito tranquilo e conseguimos fazer muitas fotos enquanto tomávamos drinks. E após vermos a quantidade de pessoas entrando no Tabacón, ficamos satisfeitos com nossa escolha!! (você pode checar o site deles aqui).

Os pacotes do EcoTermales são praticamente os mesmos que o do Tabacón, contam com refeições inclusas (que vai variar de acordo com o pacote escolhido), vestiários e lockers pra uso durante a estadia e, ao contrário do Tabacón, possui mais piscinas e menos quedas d’água. Ideal pra ficar relaxando!

Nós optamos pelo pacote de meio dia, entrando pela manhã e saindo no meio da tarde (das 10:00 as 16:00) e com direito ao almoço, que saiu por US$ 62 por pessoa.

La Fortuna e o Vulcão Arenal: dicas da Costa Rica - 14
La Fortuna e o Vulcão Arenal: dicas da Costa Rica - 15

Fotos na EcoTermales Fortuna

Mistico Hanging Bridges Park

Não lembro onde vimos pela primeira vez esse lugar, mas lembro de pensarmos como seria incrível uma visão dessas ao passar por pontes acima das copas das árvores! E sim, foi incrível!

Todas as fotos que encontramos nos deixaram com vontade de passar por lá e o parque não decepcionou: lindo, organizado, tudo muito preservado e com várias pontes suspensas espalhadas pela área, possibilitando até a vista do Vulcão Arenal de uma delas!

A Nathara estava com um pouco de receio pois elas balançam bastante e o piso delas é como uma grade (aparentemente, bem forte) e por isso mesmo dava pra ver através da ponte, o que passa uma sensação mista de medo e assombro!

Gostamos bastante! É um passeio tranquilo de se fazer, pois fica a apenas alguns minutos da cidade, a caminhada é leve, mesmo com algumas subidinhas, e você acaba vendo cachoeiras, rios, animais e aquela floresta tropical que é a cara da Costa Rica!

O ingresso do parque custou US$ 52 para nós dois e achamos um preço mais do que justo pelo passeio.

A entrada costuma ter horário marcado, então, é uma boa reservar antecipadamente (você pode checar o site aqui).

Lá você pode optar por passeios guiados, fazer birdwatching (pra quem gosta de admirar pássaros), passeios noturnos, cavalgadas.. tem de tudo!

Optamos por um tour simples, sem guia, só pra aproveitar a vista no nosso tempo.

La Fortuna e o Vulcão Arenal: dicas da Costa Rica - 18

Em uma das pontes suspensas do Mistico Hanging Bridges, com o Arenal ao fundo

Sloth Tour – Bicho-Preguiça

Algo bem comum na Costa Rica são os passeios e caminhadas para avistar bichos-preguiça, e na região de La Fortuna não poderia ser diferente!

Apesar de haver este tipo de passeio em mais de um local, como em alguns parques nacionais ou em santuários para recuperação de animais feridos, lembramos de ter visto em volta da cidade alguns avisos de passeios deste tipo.

Todos os lugares que vimos com tours deste tipo eram para visitar parques ou áreas protegidas onde esses animais vivem, não eram zoológicos nem nada do tipo. Ou seja, são caminhadas pela mata ou trilhas para tentar avistar os animais!

Nós acabamos vendo bicho-preguiça na pousada fazendo em Bijagua - uma família deles viviam nas redondezas e acabamos encontrado um deles por lá!

Café e Chocolate Tour

Pra quem gosta e se interessar, existem locais com passeios por fazendas de cacau e café que são bem interessantes, e não apenas na região de La Fortuna.

Como a Costa Rica é conhecida por ter ótimos cafés e chocolates, talvez seja uma boa!

La Fortuna e o Vulcão Arenal: dicas da Costa Rica - 22

Texto: Vinícius Marchetti | Fotos: Pelo Mundo a Dois

Comentários

Escreva um comentário antes de enviar

Houve um erro ao enviar comentário, tente novamente

Por favor, digite seu nome
Por favor, digite seu e-mail