capa do post

Como planejar os gastos de viagem: 3 dicas essenciais

Viagem | 1 | 2 | 11/05/2021

Como calcular seus gastos para uma viagem para outro país?

Essa é uma boa pergunta para todo tipo de viagem e não apenas para uma viagem ao exterior.

Mas, como você deve imaginar, geralmente é mais fácil o planejamento e cálculo de gastos para uma viagem aqui no Brasil do que para outro país. E isso não acontece apenas por conta da moeda e câmbio, mas também porque temos uma certa dificuldade para nos planejarmos.

Falta de tempo, de paciência ou de vontade são apenas alguns dos itens que nos fazem deixar de lado o planejamento.

Mas, quando o dinheiro está apertado e você economizou um bom tempo para fazer aquela viagem dos sonhos, vale a pena se organizar direitinho para não estragar tudo ao ver o tamanho da conta do cartão de crédito. Realizar o sonho de viajar pelo mundo não pode (e nem deve) te custar as economias!

E, se você nem consegue ter essa preocupação de ter gastado mais do que imaginava, pois nem viajar consegue, vamos tentar mudar esse cenário! Vamos começar com o planejamento de gastos, que para a maioria de nós é um problema!

Então, se você sonha em ir para outro país e acredita que não tem dinheiro pra isso, ou nem sabe quanto gastaria em uma viagem assim, leia este texto até o final e não deixe de pensar nisso quando for se organizar para sua próxima viagem!

Como planejar os gastos da viagem?

Apesar de ser uma pergunta que parece difícil, ela é mais simples do que você imagina.

Muitas pessoas têm ideias e dicas para dar sobre este assunto, e você pode até encontrar em vários blogs ou perfis do Instagram algum influencier famoso falando sobre o tema.

Mas a realidade é que cada um tem um perfil de viagem e é muito difícil você se definir pelos outros.

Então, o negócio é você ler e ficar por dentro da maior quantidade de dicas e informações possível e decidir o que é relevante ou não para você, para sua viagem. Aí sim, você consegue estipular quanto você gastaria e, com isso, ter um planejamento confiável em mãos.

Eu, Vinícius, penso que os principais pontos para planejar seus gastos de viagem, especialmente se for uma viagem internacional, é ter um orçamento realista.

Isso porque, não adianta você delimitar seus gastos, seu orçamento disponível, mas ele não ser condizente com a realidade!

Por exemplo: você quer gastar R$ 5 mil reais em umas férias de uma semana pelas Maldivas, mas só a passagem já custa pelo menos 40% desse valor. Como você vai pagar a estadia, alimentação e outros eventuais gastos com o dinheiro restante? Se você não encontrou uma promoção absurdamente incrível, provavelmente seu orçamento não faz sentido e seu planejamento irá por água abaixo.

Por isso, calcular seus gastos depende de muita coisa mas, na minha opinião, 3 principais itens vão ditar os custos da sua viagem e te ajudar a planejar os gastos da viagem da melhor forma possível!

Como planejar os gastos de viagem: 3 dicas essenciais - 4

Definindo gastos de viagem: 3 principais itens

Item 1 - Perfil para hospedagem: Existe viajante de todo tipo, desde quem passa perrengue até quem ostenta durante a viagem.

Então, seus gastos vão depender de onde você prefere se hospedar. Nós, do Pelo Mundo a Dois, somos o casal custo-benefício e, raramente, esbanjamos nesse quesito, optando sempre pelo “meio-termo”.

O que fazemos é sempre nos hospedarmos em lugares simples, mas com boas avaliações e que tenham um preço razoável. Se sobrar um pouco de dinheiro, ou conseguirmos algum tipo de promoção ou oferta, tentamos pegar 1 ou 2 diárias em algum lugar melhor, com um pouco mais de luxo.

Ou seja, tentamos equilibrar uma boa experiência com um preço bom e, se possível, experimentar alguma coisa um pouco mais elaborada.

Mas claro, isso só quando for possível. Não é uma regra, mas algo que tentamos encaixar no orçamento.

E se ficar na dúvida se determinada hospedagem está valendo a pena, provavelmente ela não vale mesmo.

Item 2 - Perfil para alimentação: Muita gente quer conhecer restaurantes famosos e de renome durante a viagem. Outras pessoas já preferem comer fast-food ou em barracas de comida na rua.

Não tem certo ou errado, mas o importante é você saber onde gosta de comer e se aquele lugar cabe no bolso.

No nosso caso, não temos o hábito de frequentar lugares caros nem aqui onde moramos, no Brasil, mesmo. Então, por que faríamos isso em uma viagem, que já tem um orçamento limitado? Pra gente não faz sentido mas, se fizer pra você, leve em consideração no seu planejamento.

Item 3 - Perfil de passeios: Enquanto algumas pessoas fazem passeios onde não cobram entrada ou visitam atrações em dias com ingressos mais baratos, outros pagam caro para conhecer lugares e pontos turísticos famosos.

Claro que, muitas vezes, você terá que pagar para conhecer aquele ponto turístico super famoso ou aquele cartão postal do país! Mas tudo vai depender de quais ou quantos passeios deste tipo você planeja fazer!

O ponto aqui é que você deve conhecer aquele lugar que te agrada, o que você realmente deseja, e levar estes gastos em consideração ao montar seu planejamento.

Não adianta você querer economizar e não conhecer nada do que tiver vontade, mas também não vai dar certo querer pagar caro para conhecer tudo, a não ser que você esteja com muito dinheiro sobrando - o que não faz sentido, se você está lendo este post!

O negócio é fazer um levantamento dos possíveis gastos, priorizar o que vai fazer e ver se isso se encaixa no seu orçamento!

Aproveitando, mensalmente eu envio uma Newsletter com os melhores textos e posts que encontrei, dicas práticas e sugestões de livros ou aplicativos, e eu gostaria de dividir com você!

Se tiver interesse, é só se inscrever com seu e-mail!

E todos os outros gastos de viagem tão importantes quanto estes, como por exemplo, gastos com passagem aérea?

Não falei disso aqui por um simples motivo: porque você pode até arrumar uma promoção muito boa ou comprar as passagens com milhas, mas acredito de verdade que este é um custo que você precisa encarar como inevitável.

Você vai ter este gasto e não dá pra condicionar sua viagem a encontrar ou não um voo barato, senão, você pode acabar postergando sua viagem indefinidamente!

Mas escolher melhor e de forma consciente onde se hospedar, onde comer e o que visitar na sua viagem são escolhas suas, são gastos que você pode ajustar, de forma a ter uma boa experiência de viagem e sem se enrolar com as contas!

Como planejar os gastos de viagem: 3 dicas essenciais - 12

Texto: Vinícius Marchetti

Comentários

Escreva um comentário antes de enviar

Houve um erro ao enviar comentário, tente novamente

Por favor, digite seu nome
Por favor, digite seu e-mail
Nathalia

Nathalia

Conteúdo muito bom, completo e informativo! Caso alguém queira saber mais sobre o assunto e complementar essa leitura, indico um artigo aqui: https://blog.koin.com.br/como-planejar-os-gastos-de-uma-viagem/

Pelo Mundo a Dois

Pelo Mundo a Dois

Muito obrigado! Ainda bem que você gostou! E demos uma olhada aqui e esse artigo é sobre educação financeira! Muito bacana e importante demais!! Obrigado pela indicação!

Responder

Escreva um comentário antes de enviar

Houve um erro ao enviar comentário, tente novamente

Por favor, digite seu nome
Por favor, digite seu e-mail